Folha do Motorista SP
Edição online | Edições em PDF
Folha do Motorista RJ
Edição online | Edições em PDF

Chegada da Primavera amplia a atenção a filtros de ar dos carros

FiltroItem pode provocar problemas de saúde a seus ocupantes


A primavera chega e com ela a preocupação com alergias provocadas pelas condições climáticas. Para taxistas, o carro pode ser fonte dessas alergias, caso o filtro de ar não esteja em condições.


Especialistas dizem que crises de rinite alérgica, asma e conjuntivite podem ser mais recorrentes por conta da mudança de estação e da maior presença de pólen no ar. Por isso, indicam algumas formas de se evitar a manifestação da doença, como manter janelas de casa e do carro sempre fechadas, não utilizar o ar-condicionado abaixo de 23º e sempre manter os filtros limpos e com produtos de qualidade.
André Gonçalves, consultor técn iço da MANN-FILTER, explica que o filtro do automóvel passa a ter uma importância maior neste cenário:


“Este é um item que é esquecido pela maioria das pessoas na hora da manutenção. Sempre trocam o filtro do ar, do óleo, do combustível, mas acabam esquecendo deste que afeta diretamente a saúde das pessoas”




Existem dois tipos de filtros de cabine disponíveis no mercado. O convencional e o de carvão ativado:


“Todo carro, independentemente de ter ar-condicionado ou não, possui este filtro. Alguns aceitam os dois tipos, outros aceitam apenas um deles, mas é fato que necessitam de atenção, principalmente em uma estação do ano como a primavera”, explica.


No caso do filtro de cabine com carvão ativado, além do pólen e de outras impurezas do ar, ele também atua contra odores e gases tóxicos oriundos do exterior:


“O ar dentro do carro fechado já é bastante comprometido pelo gás carbônico produzido pelo organismo humano. Evitar que ele fique ainda pior é essencial para a saúde das pessoas”, comenta o executivo.

Curta a Folha do Motorista

Visitantes online

Temos 56 visitantes e Nenhum membro online

Links Interessantes: Coruja Feed  | Agência Igloo Digital