Folha do Motorista SP
Edição online | Edições em PDF
Folha do Motorista RJ
Edição online | Edições em PDF

“Agradecemos quem ajuda a nossa categoria”

     “Criar um ponto de táxi na cidade de São Paulo sempre foi difícil na gestão do ex-prefeito Gilberto Kassab e se estendeu pela gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (PT). Muita exigência para o taxista ser atendido com a legalização de um ponto de táxi. Situação essa que aconteceu comigo e vários companheiros que precisavam de um local para trabalhar”, citou o Coordenador do ponto 3062, Emerson, Rua Gama Lobo Ipiranga esquina com Gentil de Moura.

    “Tentamos por todos os lados, sem solução. Alguns companheiros até desistiram. Quando já estávamos quase para desistir do processo, procurei, em 2016, o gabinete do vereador Salomão na Câmara Municipal 6º andar. Falei com o seu assessor, coronel Conrado, e que me atendeu muito bem e prometeu solucionar o problema. Em poucos dias, foi oficializado o ponto 3062”.

    “Depois foi  uma outra luta para a sinalização do local. Me cansei de procurar o CET, sempre nas promessas. Voltei a procurar o gabinete do vereador Salomão e novamente falei com o coronel Conrado e em poucos dias o local foi sinalizado. Hoje temos o nosso local de trabalho com telefone, cobertura graça o empenho do vereador Salomão Pereira e seu assessor Coronel Conrado”.

     “Em nome de todos os permissionários através da Folha do Motorista quero agradecer  ao senhor Salomão, que sempre esteve ao nosso lado, ajudando no que é possível. Tenho certeza se ele tivesse na Câmara Municipal nossa situação com o prefeito João Doria seria outra”, agradeceu o Coordenador Emerson do ponto 3062.

    “Emerson ajudar a categoria, é rever tudo o que ela precisa. Quando eu estava na Câmara Municipal como vereador, ajudei a legalização de mais de 50 pontos de táxi. O seu foi um deles. Como também sinalizei mais de 500 pontos com R$ 750.000,00 que destinei de meu gabinete para o CET, para esse atendimento. O seu ponto também foi um deles beneficiados”.

       “Junto à Receita Federal, liberei mais de 100 cartas de isenção que estavam atrasadas por mais de quatro meses. Tudo isso graça a um bom relacionamento que fiz com o delegado da Receita Federal, que cuida deste setor de isenção para os taxistas e para os deficientes”.

    A fim de agilizar esse serviço junto ao Poder Público Municipal  e Estadual, levei  o delegado da Receita Federal até o Departamento de Transportes Públicos (DTP) e sua equipe, para o conhecimento  da liberação da Certidão. Cobrei do delegado o uso da tecnologia para agilizar a liberação desse  documento de isenção de IPI para o taxista. Foram tantos o que fiz por essa categoria em poucos meses, mesmo não estando na Câmara Municipal, ajudarei no que foi possível. Agradeço suas considerações e agradecimento, me colocando a disposição de todos, seja de seu ponto ou qualquer outro.

Salomão Pereira ex-vereador.

2013-Rosane